IT – online

Notícias | Análises | Software Microsoft

Colaboradores da Microsoft Portugal vivem amanhã um “Dia de Trabalho fora do Escritório”

Deixe um comentário

A Microsoft Portugal anuncia a sua adesão à iniciativa “Out of Office Day, que irá decorrer amanhã, dia 7 de março, uma data simbólica na qual centenas de organizações e milhares de colaboradores vão trabalhar de forma diferente e fora do seu local de trabalho.

Trata-se de uma iniciativa pioneira em Portugal e de âmbito nacional, que tem por objetivo trazer o tema da produtividade no nosso país para a agenda do dia.

No dia 7 de março de 2013 os colaboradores das entidades aderentes à iniciativa, e cujas funções assim o permitam, poderão ficar a trabalhar a partir de casa ou de qualquer outro local que não o escritório habitual, com o objetivo de medir o impacto benéfico no trabalho produzido e, simultaneamente, no ambiente. Neste dia pretende medir-se a redução do tempo gasto em deslocações e, consequentemente, a redução dos gastos em combustível e nos níveis de emissão de CO2 para a atmosfera, bem como na redução dos gastos com alimentação e outras despesas, aumentando o tempo gasto em trabalho efetivo, que se espera contribua para aumentar o nível de produtividade de cada colaborador.

image002

Com o apoio do Ministério da Economia e da Secretaria de Estado do Emprego, esta iniciativa visa, ainda, contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas abrangidas.

Com este tipo de iniciativas, as organizações podem reduzir os seus custos operacionais, e ao mesmo tempo melhorar a eficiência no trabalho, sem descurar o maior equilíbrio entre a vida profissional e familiar dos seus colaboradores.

Trata-se, igualmente, de uma iniciativa que pretende ter continuidade no tempo, já que o objetivo é repetir a celebração do Out of Office Day todos os anos, com o objetivo de sensibilizar as organizações portuguesas para formas de trabalho mais flexíveis e os seus impactos benéficos na qualidade do trabalho produzido e no bem-estar dos colaboradores.

Para Marcos Santos, Gestor de Negócio do Office em Portugal e responsável pelas iniciativas de produtividade empresarial da Microsoft em PortugalHoje em dia há poucas razões e impedimentos para o trabalho flexível para além dos culturais e processuais. Se há alguns anos a tecnologia e a largura de banda não permitiam qualquer flexibilidade, hoje em dia, as ferramentas de produtividade, comunicação e colaboração, aliados a uma largura de banda de excelência, permitem a qualquer pessoa uma total mobilidade no trabalho e a execução da sua função a partir de virtualmente qualquer lugar. A nova realidade tecnológica permite por isso hoje cenários com efeitos benéficos para a organização e para o colaborador”.

Microsoft Portugal e os “Out of Office Days”

O objetivo da Microsoft Portugal ao associar-se à iniciativa é, fundamentalmente, contribuir com o seu exemplo para ajudar a mudar mentalidades, inspirar políticas empresariais mais flexíveis e a forma como o trabalho é encarado e realizado no dia-a-dia, chamando a atenção para a existência de outros modelos de trabalho mais colaborativos, que não passando necessariamente pela presença física dos colaboradores no local habitual de trabalho, permitem incrementar a produtividade e eficiência dos colaboradores e das organizações.

Na Microsoft Portugal, os colaboradores cujas funções o permitem são incentivados a poder fazer “out of office days” sempre que possam, mas no dia 7 de março será a primeira vez em que o vão poder fazer de forma simultânea num mesmo dia.

Neste sentido, ao aderir à iniciativa, a Microsoft Portugal partilha também um conjunto de ações que pretendem contribuir para este movimento e que terão lugar ao longo de todo o ano.

A política de “Out of Office Days” (dias de trabalho fora do escritório) assenta em três premissas de base:

1)    Tecnologia – Na Microsoft o potencial das novas tecnologias é explorado ao máximo de modo a que os colaboradores possam usufruir da máxima flexibilidade que o trabalho móvel permite, seja porque pode ser prestado a partir de qualquer local, seja porque pode ser realizado a qualquer hora, à hora mais conveniente, sempre de acordo com a agenda de compromissos e a responsabilidade deste perante a organização;

2)    Cultura organizacional assente na flexibilidade e gestão por objetivos – Na Microsoft os colaboradores são medido pelo alcance dos objetivos propostos e não pelo tempo que passam na sede da empresa para os atingir, sempre com “máxima liberdade para máxima responsabilidade”

3)    Momentos de “engagement” (ligação dos colaboradores à organização e ao sistema de trabalho) – Na Microsoft os momentos de ligação dos colaboradores cujas funções permitem fazer trabalho flexível são bem marcados e a chave do sucesso deste método. Quer sejam as reuniões presenciais obrigatórias com a equipa, quer sejam as reuniões a sós com a chefia, quer sejam as reuniões gerais da empresa onde se partilham conteúdos únicos e de interesse geral, estes momentos existem para que o colaborador não perca a ligação à empresa e ao seu departamento em particular.

Para estimular os colaboradores a partilharem a forma como vão trabalhar neste dia, a Microsoft Portugal lança o desafio através das redes sociais, privilegiando também uma abordagem mais emocional e de partilha. Assim, é sugerido aos colaboradores que façam “like” na página de facebook da iniciativa em www.facebook.com/outofofficeday, colocando em seguida um badge na sua foto de perfil e partilhando uma fotografia sua a trabalhar fora do escritório no dia 7 de março.

Consciente por isso de que a produtividade em Portugal é um desafio superável, a Microsoft celebra amanhã o Out of Office Day, reforçando a sua aposta e valorização em modelos de trabalho colaborativos, flexíveis e mais eficientes para os seus colaboradores e para a organização como um todo.

Mais informações:

Página oficial OOF Day: https://www.facebook.com/outofofficeday

Web imprensa: http://www.microsoft.pt/imprensa

Estudo Microsoft de impacto na produtividade (Novembro 2012): http://www.microsoft.com/portugal/presspass/comunicados.aspx?ID=502

Estudo Anacom sobre Banda Larga em Portugal: http://www.anacom.pt/render.jsp?contentId=1119390 e http://www.anacom.pt/render.jsp?contentId=1072815

Autor: nuno silva

IT Professional | Windows Insider MVP | Microsoft MVP - Windows Experience (2014-2016)| Microsoft Technical Beta Tester (Windows International Team)|MCC | Microsoft IT Advisory Council Member | Certified Microsoft Windows Phone Expert | Microsoft Virtual Academy Student | Windows Team Division Manager @ Microsoft Group Portugal (Facebook)

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s